"E aqueles que pensam em Me procurar, saibam que a vossa busca e vosso anseio devem beneficiar-vos apenas se vós souberdes o Mistério; se o que vós procurardes, vós não achardes dentro de vós mesmos, então nunca encontrarão fora. Pois eu tenho estado convosco desde o Início e Eu Sou Aquela que é alcançada ao final do desejo"


segunda-feira, 6 de fevereiro de 2012

GAIA LIL OLHOU NO ESPELHO...

E imaginou porque seu rosto semple flutuava naquela indefinição?
Não era bela mas tampouco poderia se dizer que era feia..Ela tinha uma qualidade de uma "coisa" um pouco além da feiúra ou da beleza sem que com isto ela fosse sexual, virgem ou virtuosa...Tambem não poderia se dizer que ela era charmosa...Estava mais para misteriosa e não era exatamente no sentido "bom" do termo... E assim como outras coisas em sua vida ela era toda construida em indefinições.
Era hipocrisia ou não falar de profundidade quando eu mal sei da força que me queima no peito?
Interrogou ao espelho que de certa forma também era uma abismo, tambem era um habitis.
A Vida se arrastava num patamar diante dela e ela como numa torre alta de uma montanha alta demais observava um horizonte indefinido demais para ser calculado?
O que eu sou perguntava firme e perene ao espelho
E como resposta só via uma bruxa de negro.

NOTA:

Quando publiquei isto não quis dizer que não gostava de mim mesma e não me amava...Estou cansada de receber conselhos obvios (sem querer ofender ninguém). Creio que tenho meu próprio modo de pensar e agir e acredite não sou uma garota idiota não sabe que fazer da vida, sou uma mulher em pleno amadurecimento e desenvolvimento cujas convicções e crenças devem ser respeitadas. Nesse tempo que se transcorreu passei por uma serie de problemas e situações difíceis e as publiquei aqui mas isso não foi por fraqueza e sim por força de lidar com a própria desgraça e dar nome as seus monstros. Não creio estar encarando ou conhecendo o meu lado negro por EU SOU O MEU LADO NEGRO e isso é coisa obvia que qualquer pessoa que me conhece se e me respeita se, que realmente me compreende se, entenderia.
Tenha a impressão que devido a minha idade e a sinceridade com que me manifesto aqui muitas pessoas me tratam como se eu fosse tola ou ingenua demais, pois não se enganem sou uma mulher extremamente capaz, apesar de toda a minha sensibilidade, álias é ela que me faz capaz. Ser sincera é uma forma de forma, acreditar na própria identidade é uma forma de força, confiar na sua propria profundidade e na força da Deusa é uma forma de força. Não se enganem eu sou uma filha de Hera e não vim aqui a brincadeira.



EU TENHO ORGULHO DE SER BRUXA...



Que eu seja sempre a feiticeira que celebra os Mistérios escuros da Mãe Negra
Que eu sempre seja uma mulher que não teme o seu fogo interior


E seu poder de transformar o mundo
Que eu sempre saiba que a Grande Mãe da Vida e do Nascimento
Também é a Senhora do Sangue e o duplo da morte

Que eu jamais seja a mulher que se ajoelha diante de um mestre
Pedindo uma migalha de Luz e do amor
Pois eu recebi em mim mesma a soberania da Deusa
E a força daquela que preenche todas as coisas
E que através dessa percepção eu compreenda que sou e vivo
Para além do Tempo e da Luz

Numa escuridão estrelada de profunda paz, recolhimento e sabedoria
No útero todo inanimente da Grande Deusa
Que eu carregue sempre comigo meu punhal
Flecha de fogo
Aonde direcciono as energias da Chama Sagrada
E abro os caminhos da magia
No dia e na noite estrelada

Que eu não tema os desejos físicos
Que assolam meu corpo
E que eu ria e goze sempre da vida
Porque pulsando no mundo
Forte está meu coração
E entregue as Forças da Vida, as Forças da Deusa
As forças da Jovem Mulher da Primavera
Eu ame e sorria

Que nas forças da Mãe
Eu compreenda que Ela é em tudo
E que seu poder vibra em tudo que é Vida
Seu poder vibra
E nela não a bem e nem mal
Apenas os ciclos da Terra
E que eu compreenda que mesmo o erro
Me leva a evolução

E que eu jamais tema ser feia e velha
Pois todas as máscaras com a Anciã caíram
Que eu ria e ria quando for temida
Pelo Meu poder
Pois no intimo saberei que minha sabedoria
Ultrapassou a própria Luz
E que se os mestres não me compreendem
é porque ainda não souberam o Grande Mistério
De que na Deusa...Não a Luz nem Escuridão
Tudo é Um Nela e para Ela todas as coisas
E Nela a sabedoria...

4 comentários:

Brianna Triskelion disse...

Boasorete ao trabalhar o lado obscuro da alma...É sempre dificil e sempre tem algo novo a ser aperfeiçoado, digirido.. Confie nos Deuses e siga com firmeza teu caminho. Ama-te e Idolatra-te acima de tudo, por que sem amor-proprio não podemos ter nenhum outro amor verdadeiro em nossa vida
Bençaos

Gaia Lil disse...

Você não compreendeu o que eu quis dizer com a postagem...Não estava falando de conhecer o lado "negro" da alma e sim de auto-comenhecimento do ser...Não é um problema de amor próprio porque isso não me falta se não, não haveria tomado as decisões que tomei nem teria escolhido um caminho mas prático embora não sem sofrimento...Cada pessoa que conheci sempre me deu um conselho diferente em relaçãa as meus problemas, mas como me dizia minha mãe tenho que confiar naquilo que carrego. (no meu próprio dom, nosmeus próprios guias espirituais)

tem a palavra o povo disse...

Olá Gaia Lil...é maravilhoso este encontro de uma mentalidade virtuosa entre as brumas da devastação que ocorre no derradeiro tempo da hegemonia masculina,olhar-se no espelho...até que a figura bela ou feia...ou nem nada disso...se esfume e nos leve a aflorar os labirintos da alma...abstracção...êxtase...força...confiança...pouco a pouco os mitos caem por terra...belo, seu texto...e depois o poema que exprime talvez já a emanação da sabedoria encontrada...de uma beleza majestosa...
uma emoção...conhecer você...
permita que continue a seguir seus escritos...se estiver no Facebook adira à página MÁTRIA...é o devir próximo...você sabe..e lá precisam de sua clarividência...
com admiração
joão raimundo

Tahis disse...

Gaia Lil,

Só tenho uma coisa a te dizer, não costumo dizer isso pra ninguém, mas sou sua fã. Postei uma oração sua no meu face, mas coloquei seu nome no final, pois acho que é o mínimo de gratidão que devemos ter para com nossa Mãe Divina é respeitar o dom sagrado de suas filhas. Obrigada por me ajudar a lembrar de quem eu sou.
Muita luz, Tahis.