"E aqueles que pensam em Me procurar, saibam que a vossa busca e vosso anseio devem beneficiar-vos apenas se vós souberdes o Mistério; se o que vós procurardes, vós não achardes dentro de vós mesmos, então nunca encontrarão fora. Pois eu tenho estado convosco desde o Início e Eu Sou Aquela que é alcançada ao final do desejo"


quinta-feira, 29 de abril de 2010

A LILITH QUE HÁ EM NOS


Porque devo deitar me abaixo de ti,
Porque devo abrir me sob teu corpo,
se fui feita do pó e sou tua igual?


ORAÇÃO DE LILITH

Que eu jamais seja controlada
nem pela luz nem pelas trevas
sou a manifestação da Deusa na terra
que não aja fogo ou fogueira capaz de me deter
que jamais aja forças no patriarcado para me controlar
pois sou um ser livre
sou uma mulher-serpente
sou filha do sol e da lua
por isso não posso ser controlada
posso ser conduzida pelo Poder da Mãe
mas jamais controlada
não existem forças no céu ou na terra
capaz de me deter
pois sou uma mulher indomada
sou o principio feminino
sou Lilith
que assim seja e assim se faça

4 comentários:

Vinny disse...

Nem Lilith..nem POMBAGIRA..a "novidade"(porque poucos procuram pro ela) é IYAMI OOSORONGA ( http://ocandomble.wordpress.com/2008/08/10/iya-mi-osoronga/ )não...num é NOME DE CHA PRA EMAGRECER NÃO1
é um culto..muito antigo..que "morreu" no brasil, mas ainda existe no Benin e na Nigéria das energias FEMININAS(em termos de "almas" e em termos energéticos tb) .
Seu objetivo é tanto "APAZIGUAR" como "NUTRIR" a energia feminina que há no mundo!~
Só mulheres fazem esse culto..homem podem, no maximo, acompnhar(vestido de mulher..e isos é sério"não e´brincadeira)
aqui no brasil, é claro, a coisa mais parecida com isos são as ENGIRAS DE EXU quando uma pombagira "desce"..mas é mais compelxo do que isso..
Na africa ORIXÁ NÃO FALA..dança...se manifesta...irradia sua força..seu Axé!
o culto de Iyami Oosoronga então é para que as mulehres de uma determinada tribo se INTEGREM com a energia CÓSMICA(Orum) e com a energia terrna(AIYE)...
Faz sentido?
enfim..eu acho isso muito lindo1
Quem me dera as mulehre brazukas fizessem mais isso!
um abraço a todas e a todos!

Gaia Lil disse...

Não é apenas um culto a um nome ou uma Deusa especifica...é o culto a Grande Mãe de todos os tempos e que paira além do Tempo...Além disso Iyami já conheço e esta até na lista de faces da Deusa...Tambem sou sacerdotisa do culto à Mãe Mistério e entre as Egi sou conhecida como Mulher de Mistério...
Obrigada pelas informações e muito carinho.
Abraços

Estrela disse...

Gostaria de ser igual à Lilith. Tenho um espírito livre. Sinto-me como a brisa do dia ou da noite e, se me zango, a brisa que habita em mim transforma-se em furacão.
Bjs.

Ana Paula disse...

Acho interessnate como a gente aprende a manifestar os arquétipos da Deusa, mas vivendo na atualidade. Depois que casei, me perguntei o quanto de Lilith sobrou em mim. Agora, grávida e lutando por um parto ativo, empoderado, vejo que eu nunca deixarei de ser Lilith. Não existem forças que me possam controlar, eu me controlo. Casei, sim, porque encontrei o Deus que não me subjugou, mas que me trata como igual. Ser a Deusa na Terra não significa viver o mito, mas trazê-lo para sua realidade. Agora entendo isso.
Queria celebrar com outras mulheres. Alguém cnhece algum círculo no RJ? Se conhecerem, me avisem: anapaulakacurin@gmail.com