"E aqueles que pensam em Me procurar, saibam que a vossa busca e vosso anseio devem beneficiar-vos apenas se vós souberdes o Mistério; se o que vós procurardes, vós não achardes dentro de vós mesmos, então nunca encontrarão fora. Pois eu tenho estado convosco desde o Início e Eu Sou Aquela que é alcançada ao final do desejo"


terça-feira, 2 de novembro de 2010

E EIS QUE UMA MULHER REINA NAS TERRAS DE CY

http://4.bp.blogspot.com/_rzOmsLX6Ypc/TL2jli3aBcI/AAAAAAAAEqI/2M-uw5sH3Fs/s1600/DILMABAND.jpg

Imperatriz é a mulher diante do mundo do poder.

2010 é um ano da mulher, um ano do feminino, é um ano onde a mãe Terra irá dar a luz a novas realidades e percepções para seus filhos, nós.

"SIM, A MULHER PODE"

"É importante eleger uma mulher – sim! Importantíssimo, e nos próximos dias poderemos avaliar isso melhor. Mas Dilma não é simplesmente “mulher”. É uma brasileira que ousou lutar contra a ditadura, em organizações clandestinas. Isso a velha elite não perdoa.
É uma marca tão forte quanto os quatro dedos do operário que nunca será aceito na velha turma.

Dilma vem de longe. Dilma não é uma “invenção do Lula”.
Dilma concentra a esperança de um Brasil mais justo.
Nesse dia histórico, depois de uma campanha exaustiva e lamentável por parte da direita, é preciso ainda estar atento. Porque do outro lado há gente que também vem de longe.

(...) Votar em Dilma é votar num país que vem de longe. E que pode chegar muito mais longe nas próximas décadas."

Rodrigo Vianna in PISTAS DO CAMINHO: http://pistasdocaminho.blogspot.com/

Uma grande mulher governa agora,
a primeira PRESIDENTA, o Brasil e apesar de todos os partidarios contrarios de toda mentira e de todo o golpe sujo...E eis que uma mulher filha da Grande Deusa, que acredita numa das faces da Mãe Divina tem a chance de fazer um trabalho maravilhoso em nome dela e de todas as mulheres... Do Brasil e do Mundo!

Bem que disseram que 2010 ia ser o ano da imperatriz...Viu a cara que o Serra fez, uma cara feia, uma cara de c* tão feia que me fez morrer de rir.
Como disse Suzane Z Budapeste:

"Eles disseram que já fomos longe de mais com isso de libertação das mulheres, pois eu digo ainda não fomos longe o bastante..."

Nenhum comentário: